As redes sociais e a busca incansável da selfie perfeita

As redes sociais e a busca incansável da selfie perfeita

A harmonização facial é um dos tratamentos estéticos mais procurados na clínica da Dra. Maria Claudia Giometti. Por causa do acesso à tecnologia e nossa paixão pelas redes sociais, tiramos muitas selfies, gravamos muitos stories e estamos muito mais expostos, em contato com uma grande audiência.

A maioria dessas pessoas repara nas imperfeições do rosto nestes momentos, quando batem uma foto para o Instagram ou fazem um vídeo e ficam incomodadas com alguns detalhes faciais que prejudicam a harmonia do rosto, como a ponta do nariz, o aspecto do sorriso, as rugas ou vincos.

A busca da selfie perfeita e a harmonização facial.

O Google registrou durante a pandemia de Coronavírus um crescimento de 115% nas buscas por Harmonização Facial, de acordo com dados da Decode, empresa especializada em comportamento digital.

Vários famosos fizeram o tratamento de Harmonização Facial, como Wesley Safadão, Giovanna Antonelli e Grazi Massafera. O procedimento é indicado para criar um rosto mais harmônico e simétrico.

O que é importante na Harmonização Facial?

“Vários elementos são importantes para o rosto ser mais harmônico, como a proporção áurea ou a simetria mais equilibrada para cada paciente, respeitando o perfil de cada um”, explica a médica especialista em cirurgia plástica, Dra. Maria Claudia Giometti.

O importante na harmonização é realizar uma consulta bem explicativa para entender o desejo do paciente, fazer as medições dos ângulos e das proporções faciais e buscar o melhor resultado possível.

Como é feita a Harmonização Facial?

“A harmonização pode ser feita com cirurgias mais invasivas, como a colocação de próteses de mento e malar, a de rinoplastia para ajustes do nariz, otoplastia para melhorar a proporção das orelhas e o lifting facial. Porém, agora, os pacientes estão procurando por tratamentos mais rápidos e menos invasivos, como botox, preenchimento com ácido hialurônico, aplicação de laser, fios de tração e esvaziadores para redução de gordura localizada”, enfatiza a médica.

Também podem ser feitos os peelings de fenol e fenol light, dependendo da avaliação de cada paciente.

Como funciona a Harmonização Facial com aplicação de produtos?

A médica faz uma avaliação dos pacientes, realiza um planejamento completo do tratamento e indica o produto que será usado para a Harmonização Facial. Em tese, todos os pacientes que não possuem alergia podem receber indicação para o tratamento.

“Nós tomamos alguns cuidados diferentes com pacientes especiais, como aqueles que usam anticoagulante, possuem histórico de inflamações crônicas ou possuem doenças autoimunes. Por isso, a avaliação pessoal de cada caso é importantíssima”, destaca a médica.

Se você tem menos de 18 anos, só poderá fazer a Harmonização Facial se os pais ou responsáveis autorizarem.

A Harmonização Facial dói ou causa hematomas?

Como todos os tratamentos estéticos e procedimentos médicos, inclusive os minimamente invasivos, alguns procedimentos causam uma sensação de incômodo para os pacientes, mas é passageiro e minimizado com o uso de medicação.

Após as aplicações da harmonização, é comum ficarem alguns hematomas e inchaços, que passam em pouco tempo. A maior complicação seria a necrose, por isso é muito importante fazer o tratamento somente com o médico especialista em cirurgia plástica.

Quanto tempo demora o resultado da Harmonização?

O tempo para o paciente perceber os resultados do tratamento demora, em média, uma semana, para que os primeiros sinais fiquem mais evidentes, quando os inchaços e hematomas começam a desaparecer.

As técnicas menos invasivas, como preenchimentos com ácido hialurônico e botox, possuem um “prazo de validade” e seus efeitos de harmonização duram até 1 ano, em média. Depois, o paciente pode refazer o procedimento.

Para quem é indicado o tratamento de Harmonização Facial?

“Todas as pessoas, homens e mulheres, que se sentem incomodadas com a simetria do rosto e alguns sinais de envelhecimento, pele flácida e gordura localizada na face podem marcar uma consulta. O procedimento é indicado para pessoas que estão insatisfeitas com a própria aparência”, esclarece a cirurgiã plástica Dra. Maria Claudia Giometti.

Onde são feitos os procedimentos de Harmonização?

A Harmonização Facial pode ser realizada em praticamente todas as regiões da face, tais como:

Os tratamentos são indicados para amenizar linhas de expressão, “bigode chinês”, “pés de galinha”, “orelha de abano”, sorriso gengival, entre outros efeitos negativos causados pelo envelhecimento da face ou por características do rosto.

A Harmonização Facial também busca criar a simetria entre os lados do rosto, já que muitos pacientes percebem que o lado esquerdo é mais bonito do que o direito, ou vice-versa.

“Um dos principais motivos que leva as pessoas a procurarem um médico para fazer a Harmonização Facial é a flacidez, causada pelo envelhecimento. E uma das vantagens dos tratamentos com preenchimentos é que eles não são definitivos, como as cirurgias plásticas. Se o paciente não gostar do resultado, ele é reversível”, enfatiza a médica.

A região das pálpebras também costuma incomodar bastante os pacientes e, nestes casos, a Harmonização Facial é feita com a Blefaroplastia, uma cirurgia para a correção das “pálpebras caídas”.

A harmonização também pode ser recomendada para modificar a expressão facial. “Algumas pessoas acham que suas expressões faciais nas fotos ou em vídeos são tristes ou abatidas. Nestes casos, planejamos um tratamento de Harmonização Facial sob medida para corrigir estes problemas”, finaliza a médica.